Home Destaques Deputados polêmicos da Alesp não conseguem reeleição ou vaga na Câmara

Deputados polêmicos da Alesp não conseguem reeleição ou vaga na Câmara

336
0

Alvo de denúncias graves na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) nesta Legislatura, que termina em dezembro deste ano, os deputados estaduais Fernando Cury (União Brasil), Douglas Garcia (Republicanos) e Frederico D’Avila (PL) não tiveram sucesso nas urnas e ficarão sem mandato.

Tentando uma vaga de deputado federal, Douglas Garcia (Republicanos) – investigado no Conselho de Ética da Alesp por agressão à jornalista Vera Magalhães em meados de setembro – obteve apenas 24.549 votos e ficará sem cargo assim que terminar o atual mandato dele de deputado estadual em São Paulo, em 31 de dezembro.
É a mesma situação do deputado estadual Frederico D’Ávila (PL), também alvo do Conselho de Ética da Assembleia paulista por usar a tribuna da Casa para proferir ofensas ao papa Francisco e ao arcebispo de Aparecida, em outubro do ano passado, também disputava uma vaga na Câmara dos Deputados e ficou de fora da lista dos mais votados.

Apesar de ter obtido 46.974 votos no estado, D’Ávila foi apenas o 22º mais votado do partido dele, o PL, em São Paulo, e também ficará sem cargo no Legislativo em 2023.

Já o deputado estadual Fernando Cury (União Brasil), que em 2021 chegou a ter o mandato suspenso na Alesp por seis meses por ter passar a mão no seio da colega Isa Penna (PCdoB) dentro do plenário da Casa, também teve o plano de reeleição frustrado.

Ele obteve apenas 35.493 votos e não conseguiu se manter deputado estadual em São Paulo a partir de 1º de janeiro de 2023.

Apesar de já ter retomado o mandato na Alesp após a suspensão temporária, Cury ainda enfrenta um processo na Justiça comum por importunação sexual à colega do PCdoB.
Situação idêntica à deputada que foi assediada por ele na Alesp. Isa Penna tentava uma vaga de deputada federal em Brasília, mas obteve apenas 31 mil votos e ficará de fora do Congresso.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here