Home Destaques Prefeitura de Guarulhos determina intervenção na gestão de dois hospitais municipais

Prefeitura de Guarulhos determina intervenção na gestão de dois hospitais municipais

548
0

A Prefeitura de Guarulhos, na Grande São Paulo, determinou a intervenção do Hospital Municipal Pimentas Bonsucesso (HMPB) e Hospital Municipal da Criança e Adolescente (HMCA) pelo período inicial de 30 dias.

Os dois hospitais são administrados pela Organização Social IDGT. A intervenção na gestão dos hospitais ocorre após o alto número de reclamações dos usuários. O período da intervenção pode ser diminuído ou prorrogado.

Nos últimos meses, a Secretaria Municipal de Saúde apurou uma série de descumprimentos contratuais e de problemas relacionados ao atendimento aos pacientes, a falta de insumos e de medicamentos.

Nos últimos meses, a Secretaria Municipal de Saúde apurou uma série de descumprimentos contratuais e de problemas relacionados ao atendimento aos pacientes, a falta de insumos e de medicamentos.

A falta de médicos e outros profissionais de saúde provocam o cancelamento de procedimentos e de cirurgias.

De acordo com a prefeitura, antes de determinar a intervenção, a Secretaria Municipal de Saúde tentou durante meses solucionar os problemas com a OS, apontando falhas, exigindo providências e até aplicando penalidades administrativas. No entanto, os problemas não foram sanados.

O Hospital Pimentas Bonsucesso conta com 169 leitos, incluindo 24 UTIs, e atende em média 1.000 pessoas por dia em diversas especialidades. O contrato da administração municipal com o IDGT vigora até 31 de julho de 2022, ao custo de R$ 6.929.891,00 por mês.

Já o Hospital Municipal da Criança e Adolescente conta com 121 leitos, sendo 15 UTIs, atende 800 pacientes por dia. O contrato vigora até 2024 e tem um custo mensal de R$ 4.990.690,95.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here